Ambra na Imprensa: Pandemia deve alterar o modelo de Intercâmbio e formação complementar no exterior

0
200

Alfredo Freitas, diretor de educação da Ambra, em entrevista ao Brazilian Times

A educação é uma das áreas mais afetadas pela pandemia. Ao mesmo tempo, também é aquela que terá mais alterações em um mundo pós-pandemia.

Há algum tempo o setor da tecnologia na educação já vinha crescendo, o número de aplicativos de idiomas disponíveis, cursos a distância e reuniões por videoconferências, por exemplo, já eram realidade. 

Agora, com mais adeptos advindos da pandemia, a educação online tem grande potencial para expandir e continuar crescendo, inclusive com formações no exterior sem sair do Brasil.

“Já é muito grande o número de estudantes estrangeiros que busca formação continuada nos EUA de forma remota. As vantagens são inúmeras: menor custo, não abandono ou interrupção da carreira profissional no Brasil, não distanciamento da família, adequação da metodologia de aprendizagem ao ritmo do aluno, entre outras […].”, afirma Alfredo Freitas.

Leia a matéria completo do Brazilian Times.